*A ONU Culpa os EUA, Reino Unido e França (OTAN – NATO) por Crimes de Guerra no Iêmen

Estados Unidos, Reino Unido e França podem ser cúmplices de crimes de guerra cometidos no Iêmen pelo apoio à coalizão internacional liderada pela Arábia Saudita como um grupo de especialistas das Nações Unidas alertado em um relatório conhecido na terça-feira. O dossiê também enfatiza que os três países negaram “deliberadamente” o acesso à ajuda humanitária ao país ameaçado pela fome.

No caso de confirmação de crimes de guerra cometidos pela Arábia Saudita, os governos dos Estados Unidos, do Reino Unido e da França podem ser indicados como cúmplices que participaram do apoio maciço às armas que prestaram a Riad durante o Guerra do Iêmen

O relatório também anexou uma lista dos nomes de mais de 160 “atores principais” no conflito armado iemenita, incluindo altos funcionários da Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos (EAU), sem mencionar se estas pessoas também estão incluídas na lista de possíveis criminosos de guerra.

“Indivíduos do governo do Iêmen e da coalizão internacional, incluindo a Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos, poderiam ter realizado ataques aéreos em violação aos “princípios de distinção, cautela e proporcionalidade e poderiam ter usado a fome como arma de guerra. , “atos que podem constituir crimes de guerra ”, detalha.

Os especialistas da ONU detalharam que enviaram uma lista confidencial endereçada à “Alta Comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Michelle Bachele“, identificando “os indivíduos que poderiam ser responsáveis ​​por crimes internacionais” cometidos no conflito no Iêmen. .

Desde 26 de março de 2015, o regime saudita e seus aliados cometem atrocidades no Iêmen diariamente, usando todos os tipos de armas, com o objetivo de restaurar Mansur Hadi no poder e confrontar os combatentes do movimento popular de Ansarolá. Apesar de tudo isso, Washington, seus aliados europeus, como Londres e Paris, aproveitaram a guerra como uma oportunidade para fechar acordos bilionários de armas com o regime Al Saud.

Leia na íntegra e contribua com o site Nueva Revolução: La ONU culpa a EEUU, Reino Unido y Francia de crímenes de guerra en Yemen

Mapa político do canal de Suez

De nossa parte, observamos que o interesse da OTAN em tomar o Iêmen e a Somália (um país de cada vez para não ficar evidente, concomitantemente enfraquecem a Etiópia e a Somália empobrecendo cada vez mais sua população), é justamente imperialista, basta observar o mapa da região e entender que a força imperialista vindo dominar a entrada do Golfo de Aden , controlará o fluxo de navios que passam pelo Canal de Suez (controlado pelo Egito atualmente). Onde o ponto mais estreito e critico seria Djibout.

É a logística do imperialismo o grande interesse que está por traz do massacre no Iêmen. É o “grande capital apátrida” não se importando se as vitimas são crianças, mulheres, idosos, homens, ou a natureza.

Mapa de Golfo de Aden

Leia também: OTAN a Serviço do Complexo Militar-Industrial

Um comentário sobre “*A ONU Culpa os EUA, Reino Unido e França (OTAN – NATO) por Crimes de Guerra no Iêmen

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.