*Sobre Mídia OTANizada e Outras Fora da Bolha.

Cena do documentário ‘Uma Noite no Madison Square Garden‘, sobre a fundação do partido nazista estadunidense e o apoio dos nazistas estadunidenses da época, aos devaneios do terceiro reich de hitler
Foto: Divulgação/Internet

Mídia ocidental não quer reconhecer o que realmente ocorre na Ucrânia, diz jornalista dos EUA

Sputnik / Maksim Blinov
 Abrir o banco de imagens

A jornalista norte-americana Lara Logan afirmou, no programa Real America’s Voice, que os meios de comunicação ocidentais não querem admitir o que realmente está ocorrendo na Ucrânia e são forçados a acreditar em todas as coisas ruins que são ditas sobre o presidente russo Vladimir Putin.

“Eu realmente acho que há muita desinformação, como não víamos antes […]. Estamos sendo empurrados para esta mentalidade onde devemos odiar Vladimir Putin, acreditar em todas as coisas ruins que dizem sobre ele, ou amar a Ucrânia e não existe meio termo”, disse ela.

A jornalista considera que as autoridades dos EUA têm mentido sobre o que vem acontecendo na Ucrânia.

“A mídia ocidental não quer admitir o que está realmente acontecendo, no oeste da Ucrânia, nazistas recebem apoio”, observou ela, acrescentando que os Estados Unidos têm financiado os nazistas há muito tempo. Logan disse que considera que Vladimir Zelensky é um “fantoche”.

“Putin vinha advertindo por 15 anos que não ficaria de braços cruzados enquanto os globalistas construiam instalações militares na Ucrânia”, disse ela.

Leia na íntegra: Mídia ocidental não quer reconhecer o que realmente ocorre na Ucrânia, diz jornalista dos EUA

6 comentários sobre “*Sobre Mídia OTANizada e Outras Fora da Bolha.

  1. Parodiando Brecht:
    Primeiro foram os homossexuais.
    Eu não sou homossexual, portanto eu não fiz nada.
    Depois foram os negros.
    Eu não sou negro então eu não fiz nada.
    Depois foram os pobres.
    Eu não sou pobre, sou da classe média, assim também não fiz nada.
    Em seguida foram os índios, a floresta, os rios, minha prima, meu amigo, meu pai, minha mãe, meu vizinho, aquele ali desconhecido, o dono do bar, o da padaria, o da farmácia, o do supermercado, atendente, supervisor, gerente ou dono….
    Agora sou eu. Como não fiz nada por ninguém, ninguém fez nada por mim.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.