*OMS Exige Acesso a Área de Ataque Químico na Síria

A Organização Mundial de Saúde disse que 500 pacientes trazidos de Douma mostram “sinais e sintomas consistentes com a exposição a produtos químicos tóxicos” e exigiram acesso ao local para prestar cuidados às pessoas afetadas.

Uma menina olha após o ataque alegado de armas químicas, no que é dito ser Douma, Síria nesta imagem estática do vídeo obtido pela Reuters em 8 de abril de 2018.

Uma menina assiste a um suposto ataque com armas químicas, no que se diz ser Douma, na Síria, nesta imagem estática de um vídeo obtido pela Reuters em 8 de abril de 2018. (Reuters)

Organização Mundial de Saúde (OMS) disse na quarta-feira que cerca de 500 pessoas foram tratadas por “sinais e sintomas consistentes com a exposição a produtos químicos tóxicos” após um suspeito ataque com gás venenoso em um enclave sírio antes da queda.

Os EUA e seus aliados ocidentais estão considerando uma ação militar para punir o líder do regime sírio Bashar al Assad pelo suposto ataque com gás venenoso no sábado, na cidade de Douma, que há muito tempo resistiu ao cerco de um regime. O regime disse que os relatos de um ataque de gás são falsos.

A OMS condenou o incidente e disse que mais de 500 pessoas de Douma foram tratadas por sintomas de envenenamento por gás.

“Em particular, havia sinais de irritação severa das membranas mucosas, insuficiência respiratória e interrupção do sistema nervoso central das pessoas expostas”, disse a agência de saúde da Organização das Nações Unidas em um comunicado divulgado em Genebra…..

A OMS também disse que mais de 70 pessoas abrigadas de bombardeios em porões no antigo bolsão rebelde do leste de Ghouta, onde Douma está localizada, teriam morrido.

Leia mais noticias sobre a Síria: OMS exige acesso a área de ataque químico na Síria

Crônicas de Douma: quando acreditar em milagres não é melhor opção

Leia também: Moscou e Damasco se mostraram prontas a conceder à “Organização para a Proibição de Armas Químicas” acesso livre à cidade síria de Douma

Acnur alerta, mais de 133 mil desabrigados em Duma, Síria

Actualmente la cantidad de refugiados internos en Siria sobrepasa los límites de la Acnur.

Foto: ACNUR

A Acnur ressaltou que durante abril triplicou o numero de desabrigados provenientes de Duma e algumas regiões do país.
 A Agencia da Organização das Nações Unidas para os  Refugiados (Acnur) indicou que mais de 133.000 pessoas estão desabrigadas da cidade síria de Duma, Guta Oriental, durante as últimas quatro semanas.
_________________
 Leia também: Submarinos, radares e aviões: Rússia se prepara para possível ataque estadunidense à Síria
Leia também: EUA aplica o terrorismo de Estado contra a Síria

_________________

Nota nossa: Incentivo para a guerra não faltam, agora, para a evolução do Oriente Médio não há interesse.

Os ganhos com as guerras imperialistas (pilhagem do presente e do espólio [no caso do Oriente Médio, o petróleo], industria das armas, dominação das castas, etc) são maiores e certos.

Um comentário sobre “*OMS Exige Acesso a Área de Ataque Químico na Síria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s